Política: PS lidera em 12 das 17 câmaras do distrito de Coimbra

/, Região/Política: PS lidera em 12 das 17 câmaras do distrito de Coimbra

O Partido Socialista foi o grande vencedor das Autárquicas de domingo. À semelhança do que aconteceu em todo o país, também no distrito de Coimbra esteve em maioria, tendo conquistado 12 das 17 câmaras. A registar ainda a prova de confiança manifestada nas urnas pela população que, na sua maioria, apostou na continuidade, elegendo os atuais presidentes para novo mandato.

O PS manteve assim a maioria nas 12 câmaras do distrito de Coimbra que liderava desde 2013 e os sociais-democratas asseguram a presidência dos restantes cinco municípios.

Em Coimbra a vitória é de Manuel Machado (PS), que foi reeleito para mais um mandato (35,46 por cento dos votos).

Em Arganil o futuro tem um rosto novo. Luís Paulo Costa (PSD) conquistou a Câmara, com 47,71 por cento dos votos, e sucede a Ricardo Pereira Alves, de quem foi “braço direito” durante os seus 12 anos de presidência.

Na cidade de Cantanhede a aposta é também na continuidade, apesar da mudança, já que a nova presidente, Maria Helena Teodósio (PSD), sucede a João Pais de Moura. Vice-presidente no atual executivo, conhece bem o Município e mereceu a confiança dos eleitores, registando maioria absoluta, com 61,27 por cento dos votos. Faz história ao ser a primeira mulher eleita para a presidência da Câmara de Cantanhede. O presidente cessante assume a liderança da Assembleia Municipal.

Em Condeixa-a-Nova o comando do Município continua nas “mãos” de Nuno Moita. O socialista elegeu cinco de sete vereadores, conquistando 57,18 por cento dos votos.

Na cidade da Figueira da Foz o PS voltou a conquistar a maioria, com 50,06 por cento. Chamada a pronunciar-se nas urnas, a população reconduziu João Ataíde na liderança do Município.

Reconduzida foi também Lurdes Castanheira. A socialista foi eleita para o seu terceiro – e último – mandato à frente da Câmara de Góis, registando 36,06 por cento da votação.

Na Lousã o futuro passa também pela continuidade. Luís Antunes (PS) foi reeleito para novo mandato com 65,85 por cento dos votos, garantindo maioria absoluta.

Raul Almeida (PSD) reforça a liderança em Mira. O autarca conseguiu a maioria absoluta, com 60,25 por cento dos votos.

Miranda do Corvo reelegeu também o atual presidente. Miguel Baptista (PS) somou 51,01 por cento da votação.

Em Montemor-o-Velho a confiança mantém-se também em Emílio Torrão. O socialista obteve 51,2 por cento dos votos.

Já na cidade de Oliveira do Hospital a aposta foi também para a continuidade. O atual presidente, José Carlos Alexandrino (PS), obteve 68,99 por cento dos votos, conquistando assim uma vitória muito expressiva, assegurando seis dos sete vereadores possíveis.

José Brito Dias mantém-se firme na Pampilhosa da Serra. O social-democrata foi reeleito com 79,58 por cento dos votos, percentagem que demonstra bem a confiança que o eleitorado lhe deposita.

Em Penacova o presidente chama-se Humberto Oliveira. O socialista segue para um terceiro mandato, como ditaram os penacovenses nas urnas. O autarca conquistou 54,75 por cento da votação.

Em Penela a liderança mantém-se nas “mãos” de Luís Matias. O social-democrata foi eleito para um segundo mandato, por uma votação bem expressiva – 63,39 por cento.

Também em Soure não há mudança. Mário Jorge Nunes (PS) garantiu a maioria absoluta, com 59,61 dos votos.

Em Tábua a liderança mantém-se também com Mário Loureiro. O socialista vai continuar o seu trabalho, como é desejo de 53,61 por cento da população do Município.

Em Vila Nova de Poiares o presidente continua a ser João Miguel Henriques. O socialista foi reeleito para o seu segundo mandato, com 68,23 por cento da votação.