Brasfemes promove gastronomia e cultura

/, Coimbra/Brasfemes promove gastronomia e cultura

Começa hoje (8 de junho) a XVII Feira Gastronómica de Brasfemes, evento que dá a conhecer o dinamismo das coletividades locais, através da promoção da gastronomia, da cultura, do desporto e da animação.

Organizado pela Junta de Freguesia, o certame conta com a participação de 10 coletividades que, como explica o presidente, João Paulo Marques, vão “dar a conhecer aos visitantes o seu trabalho”, numa mostra diversificada onde o destaque vai para a gastronomia regional, onde não faltarão a chanfana, os negalhos, o sarrabulho, o arroz doce e o leite creme.

A feira pretende “envolver toda a comunidade e permitir que as coletividades se auto-financiem”, realça o presidente, enaltecendo também a grande afluência de público que é habitual nestes dias. “Temos sempre muitos visitantes durante a feira. As pessoas que estão fora aproveitam para regressar e rever familiares e amigos”, explica.

O programa abre hoje, como sempre, com as comemorações do Dia da Freguesia e vai animar o Largo Marcelino Ivo de Vasconcelos até domingo. O hastear da bandeira, no edifício da Junta, às 9h00, marca o início das celebrações que prosseguem, a partir das 17h00, com uma arruada pelos gaiteiros “CaçaRabos”. As barraquinhas abrem uma hora depois e, à noite, depois da atuação do grupo musical “JoNes Duo” (20h00), a grande atração é o desfile das Marchas Populares, que conta com a participação das marchas do CRAC de Brasfemes e de Cernache. Esta primeira noite termina com as fogueiras de S. João, a partir das 23h00, animadas pelo grupo “Adega Manias”.

Amanhã o programa começa, às 10h00, com o torneio de futebol 7 “Escalão Petizes” e, na mesma altura, há novamente animação com gaiteiros. As barraquinhas abrem às 11h30 e durante a tarde há teatro, com a apresentação da peça “Teatro mais pequeno do mundo” (15h00); decorre a festa de encerramento do jardim de infância de Brasfemes (17h00); e atua o grupo e jazz “In Fusão” (18h30). A Tuna da APPACDM de Soure sobe ao palco às 20h00 e o grupo “The Hangover Band” anima o recinto a partir das 22h00.

No domingo, destaque para a realização da Feira sem Regras, a partir das 9h00. As barraquinhas abrem às 11h30 e às 15h00 há novamente teatro. A Mostra de Folclore, a partir das 16h30, é a grande atração da tarde e conta com a participação do Grupo Folclórico de Casais de Santa Teresa, Rancho Folclórico Rosas do Mondego e Grupo Folclórico “Danças e Cantares da Associação Cultural de Vilarinho”. O programa continua, às 18h00, com uma demonstração de danças modernas com CRAC Dance de Brasfemes e, às 20h00, a animação é assegurada pelo grupo “Copo e Bucha”.

Este ano, pela primeira vez, haverá também rastreios de saúde, que serão realizados pela Academia de Bombeiros de Brasfemes.

João Paulo Marques espera que sejam “três dias de casa cheia, com muito convívio e alegria”.