OPINIÃO

/OPINIÃO

Exposição de pintura no Clube Médico

Pintura vasta em estilos que se entrelaçam com desenhos em minúcia e outros num subjetivismo temático mostrando perfeitas composições quando a pintora, Rhea Roiz, empresta luz à natureza, telúricos, panteístas, de forma poética, romântica, quase a função divinatória, de uma predestinada, que cria a sua obra com talento e sem falsos gongorismos. Os quadros expostos no primeiro andar do Clube Médico constituem nos cheios e nos vazios o simbolismo de interessantes

Gratidão! Gratidão! Gratidão!

Quando eu andava no colégio, escrevia uma frase por semana e colava na carteira, para subliminarmente ir assimilando esse conceito. Assim, lembro-me sempre de uma dessas frases, que dizia: “A gratidão é uma das flores mais belas, nascidas num coração bem formado”… E se na vida das correrias que sempre levei, ligada a muitos projetos, pus em prática, agora no outono (ou inverno…) da minha vida,

SILO-AUTO NO HOSPITAL DA UNIVERSIDADE – UM ATO DE HUMANISMO

Muitas vezes observei doentes e seus familiares a circularem de forma repetida, num sem-fim, na zona de Celas, na expetativa de conseguirem um estacionamento antes de uma consulta hospitalar ou de um internamento. Há diversas pessoas que podiam e podem utilizar os transportes coletivos para se deslocarem para os Hospitais da Universidade, mas há muitas que não o podem fazer perante situações específicas. Mais do que uma obra a aplaudir a Projetada Construção de um

“Can I help you?” (Posso ajudá-la?)

Começo este texto pedindo desculpa aos meus muito queridos leitores por o título estar escrito em inglês. À medida que forem passeando comigo ao longo destas letrinhas irão compreender que tinha mesmo que ser… Os anos vão passando e, felizmente, a Clarinha continua com cara de estrangeira. (Confesso que sempre achei muita graça a isso). Quando ando pela baixa de

Testemunhos. Os Cavalinhos, Como Coimbra Deles Gostava!

No dia 25 de novembro apresentei um livro de Jorge Castanheira de Oliveira, intitulado “O Circo na Coimbra do século XIX”, e exortei as minhas memórias, já longínquas, de quando os meus pais me levavam ao circo, fazendo-me transportar de volta a casa, com novas quimeras e encantamentos. Tinha à minha frente 257 páginas que se constituem num volume sóbrio, atraente

Zeca Afonso um símbolo de liberdade

Foi um ser singular que acreditou na possibilidade da redenção do homem predominantemente moral e justo. Lutou contra as injustiças, as perseguições, a crise do idealismo platónico, do afeto humano, da solidariedade, da fraternidade. Poeta de craveira e compositor e cantor de estirpe mundial, as suas canções contribuíram para o aperfeiçoamento do homem enquanto ser coletivo. Sabemos do seu prestígio além fronteiras, do

Solidariedade tornou-se estratégia de sobrevivência

Há muito venho alertando para o fato de que a Solidariedade hoje se expandiu do luminoso campo da ética e se apresenta como uma estratégia, de modo que o ser humano possa alcançar a sua sobrevivência. À globalização da miséria contrapomos a globalização do Amor Fraterno, que espiritualiza a Economia e solidariamente a disciplina, como forte instrumento de reação ao pseudofatalismo da pobreza (…). Não se espera um repentino milagre, mas o fortalecimento

INFARMED E LINHA FERROVIÁRIA DA LOUSÃ

Acredito ter sido uma opção política cheia de ternura, de bondade e de compensação a anunciada mudança do INFARMED – Agência Nacional do Medicamento, para a cidade do Porto. Há especialistas na instituição que podem não ter condições para transferirem residência de Lisboa para o Porto. Esta decisão terá de ser, por isso, ponderada e reanalisada, para não termos algo semelhante à LINHA FERROVIÁRIA DA LOUSÃ que um Governo fechou anunciando apoteótica e hiperbolicamente transferir

Eu também acredito!

Há uns anos receber o Web Summit em Portugal só poderia ser considerado um sonho. Felizmente este tornou-se realidade em 2016. Paddy Cosgrave, CEO desta importante cimeira de empreendedorismo e tecnologia, defende que esta vive “o casamento perfeito” com a cidade de Lisboa. A verdade é que a nossa radiante capital recebe os quase 60.000 participantes deste